Dieta do Ovo Cozido para Emagrecer → [ SAIBA COMO FAZER ]

dieta do ovoA todo o momento surgem novas dietas que prometem excelentes resultados, como é o caso da dieta do ovo. O fato é que a ciência está fazendo novas descobertas todos os dias e isso influencia também a forma como emagrecemos.

No entanto, muito se engana quem acredita que na dieta do ovo, só se pode comer ovo por tempo indeterminado. Fazendo dessa forma, certamente não faria bem à saúde.

Para quem não sabe, a dieta do ovo consiste em incluir a ingestão de dois a quatro ovos por dia durante as refeições. Isso vai tornar a dieta rica em proteínas e aumentar a saciedade, mantendo a fome longe por mais tempo.

Sem dúvidas, já faz algum tempo que o ovo deixou de ser um vilão para a saúde. Atualmente já foi até comprovado que seu consumo diário não acarreta problemas ao colesterol.

Pelo contrário, o ovo pode ajudar a controlar o colesterol e, por ser fonte de proteína, pode aumentar o gasto de energia feito pelo metabolismo.

Então, se você está interessado, vamos saber um pouco mais sobre a dieta do ovo, como ela funciona e suas vantagens.

Como fazer a Dieta do Ovo

A primeira regra é que a dieta do ovo não deve ser feita por mais de duas semanas. Além disso, os ovos devem ser incluídos também no café da manhã, embora possam ser usados em outras refeições no decorrer do dia.

Mais do que aumentar a ingestão de ovos, a dieta também deve conter mais alimentos leves e frescos, tais como frutas, saladas, carnes magras grelhadas e gorduras boas, tal como o azeite de oliva e oleaginosas.

Além disso, como é comum em todas as dietas, é preciso evitar o consumo de refrigerantes, bebidas alcoólicas, sucos prontos, frituras, comidas congeladas e outras pouco saudáveis, bem como evitar o sal em excesso.

Vantagens da Dieta do Ovo

Uma das maiores vantagens de fazer a dieta do ovo é que ela não é muito restritiva. Obviamente é recomendado tirar do cardápio os alimentos que não contribuem para o emagrecimento, mas ela não restringe a quantidade dos alimentos permitidos, podendo comer até que se sinta satisfeito.

Além disso, não é o tipo de dieta que restringe calorias, possibilitando um bom equilíbrio na ingestão de alimentos variados.

Por ser fonte de proteínas, a dieta do ovo ajuda a manter a saciedade por mais tempo, possibilitando uma melhora na função do metabolismo e uma maior queima de calorias.

Por não ser restritiva, não causa os efeitos colaterais que a maioria das outras dietas causam, permitindo até mesmo a realização de atividades físicas, o que contribui ainda mais para a desejada perda de peso. 

Cuidados com a Dieta do Ovo

Obviamente, o ideal é contar com a ajuda e orientação de um nutricionista para fazer a dieta do ovo. Assim será possível determinar qual a quantidade de ovo mais adequada para cada pessoa.

Como já foi dito anteriormente, a dieta do ovo não deve ser mantida por mais de duas semanas seguidas.

Mais do que isso, durante o processo, é imprescindível manter uma alimentação balanceada e rica em alimentos frescos e fibras, evitando os alimentos processados.

Como uma forma de acelerar ainda mais todo esse processo de perda de peso e para manter a saúde depois de terminado o período da dieta, é importante que as atividades físicas façam parte da rotina.

Dica de cardápio para fazer a Dieta do Ovo

Vale lembrar que bom senso e moderação são a chave para o sucesso. Portanto, de nada adianta comer um ovo e depois um hambúrguer com batata frita e milk-shake.

O equilíbrio é fundamental e é por isso que também não adianta depositar toda a sua esperança no ovo e continuar se alimentando mal e sem fazer atividade física.

Justamente por isso que você poderá ver a seguir uma dica de cardápio para fazer a dieta do ovo da forma certa. Veja:

Dia 1

  • Café da manhã: 2 ovos cozidos + fruta cítrica + café sem açúcar
  • Almoço: 1 filé de frango no molho de tomate + arroz de couve-flor + legumes
  • Jantar: 1 prato grande de salada de frango

Dia 2

  • Café da manhã: 2 ovos cozidos + fruta cítrica + café sem açúcar
  • Almoço: 2 maçãs + 2 batatas doces cozidas
  • Jantar: salada de legumes + 2 ovos cozidos + 1 laranja

Dia 3

  • Café da manhã: 2 ovos cozidos + fruta cítrica + café sem açúcar
  • Almoço: queijo branco (pouco) + 1 tomate + 1 batata doce cozida
  • Jantar: salada verde e frango

Dia 4

  • Café da manhã: 2 ovos cozidos + fruta cítrica + café sem açúcar
  • Almoço: uma fruta
  • Jantar: salada e frango cozido no vapor

Dia 5

  • Café da manhã: 2 ovos cozidos + fruta cítrica + café sem açúcar
  • Almoço: 2 ovos cozidos + 1 fruta cítrica
  • Jantar: frango + legumes no vapor

Dia 6

  • Café da manhã: 2 ovos cozidos + fruta cítrica + café sem açúcar
  • Almoço: uma fruta à escolha
  • Jantar: peixe grelhado + salada

Dia 7

  • Café da manhã: 2 ovos cozidos + fruta cítrica + café sem açúcar
  • Almoço: salada de tomate + legumes + frango
  • Jantar: vegetais no vapor + 1 ovo cozido

Na segunda semana, procure variar saladas, legumes cozidos, carnes magras e ovos cozidos, segundo o plano da primeira semana.

Pronto, agora você já sabe um pouco mais sobre a dieta do ovo, como funciona, suas vantagens e os cuidados necessários ao adotá-la. Aproveite essas dicas e não perca mais tempo!

15 votes, average: 5,00 out of 515 votes, average: 5,00 out of 515 votes, average: 5,00 out of 515 votes, average: 5,00 out of 515 votes, average: 5,00 out of 5 (15 votes, average: 5,00 out of 5)
You need to be a registered member to rate this post.
Loading...

Leave a Reply

20 − 2 =