Noz da Índia: Benefícios, Efeitos Colaterais e Como Tomar [EXCLUSIVO]

A todo o momento aparecem novos produtos com as mais variadas funções e que possuem o objetivo de nos ajudar em algo. É exatamente esse o caso da noz da índia, que surge com a promessa de ajudar na eliminação de alguns quilinhos extra com mais facilidade.

O fato é que essa semente já é utilizada há muito tempo com essa finalidade, mas nos últimos tempos vêm ganhando maior popularidade por causa de seus benefícios variados.

Para quem não sabe, a noz da índia nada mais é do que uma semente que provém do fruto de uma árvore ornamental chamada nogueira-do-Iguape.

A sua origem é na Ásia, porém é uma planta que teve uma excelente adaptação na nossa região amazônica.

O fato é que, embora ela possa oferecer muitos benefícios, nos últimos tempos ela vem sendo bastante utilizada por ser emagrecedora, além de contribuir positivamente para a melhora da função intestinal.

O fruto da noz da índia promete uma perda de peso considerável e, o melhor de tudo, sem a necessidade de fazer dietas.

No entanto, é sempre importante lembrar que, se for usada de ima forma inadequada, ela pode ocasionar diversos efeitos colaterais.

Justamente por esse motivo que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) proibiu a comercialização da mesma no território nacional, tal como já foi feito no Chile, Espanha e Austrália.

Benefícios da noz da índia

Noz da Índia Benefícios

Primeiramente, antes de começar a falar sobre os benefícios dessa semente, é importante lembrar que ainda não existem estudos conclusivos a esse respeito.

No entanto, popularmente, acredita-se que os benefícios da noz da índia são os seguintes:

  • Ajuda a promover o emagrecimento, visto que atua diretamente dissolvendo os depósitos de gordura
  • Ajuda a acelerar a função intestinal
  • Diminui o apetite e a ajuda a controlar a compulsão alimentar
  • Reduz a celulite
  • Ajuda a diminuir os níveis do colesterol ruim
  • Pode ajudar no tratamento de hemorroidas
  • Atua melhorando a qualidade dos cabelos e da pele

Vale lembrar ainda que as folhas, frutas e a casca da planta que dá origem à noz da índia também são usadas milenarmente na medicina tradicional asiática.

Segundo eles, a planta pode ser usada para tratar náuseas, dores de cabeça, febre, gonorreia, inflamações e também para diminuir níveis de colesterol.

Alguns extratos da planta ainda mostram uma certa ação antibacteriana em testes in vitro contra pseudomonas seruginosa e staphylococcus aureus.

Mesmo assim vale lembrar novamente que não existem estudos em humanos que comprovem, nem seus benefícios, nem o potencial toxicológico.

Contraindicações e efeitos colaterais

Como já foi dito anteriormente, a noz da índia pode causar reações adversas e, por falta de estudos científicos em humanos, seu uso foi proibido no nosso país pela ANVISA.

Dentre os possíveis efeitos colaterais que podemos citar da noz da índia, estão flatulência, dores abdominais, sudorese, dores musculares, diarreia, câimbras, desidratação, desnutrição e, em casos mais graves, morte.

Isso porque a ação laxativa desse ingrediente é tão poderosa que pode diminuir a absorção de nutrientes e de água. O fato é que sem água e os minerais necessários, o sistema nervoso passa a não funcionar adequadamente e a musculatura vai perdendo a força.

O coração, que também é um músculo, passa a trabalhar de forma irregular, ocasionando arritmia cardíaca e uma condição médica grave.

Pelo fato de terem uma ação laxativa intensa, o uso de noz da índia é contraindicado para pessoas que já apresentem problemas intestinais, como SII (síndrome do intestino irritável) ou colite.

Pessoas com problemas hepáticos, cardíacos ou renais também não devem usar a noz da índia, bem como gestantes, lactantes, crianças, idosos e pessoas em convalescença.

Por fim, a noz da índia ainda é contraindicada em pessoas que apresentem reação de hipersensibilidade à planta, bem como em uso concomitante cm outros medicamentos.

Quando aos efeitos colaterais, o uso inadequado da noz da índia pode causar as seguintes reações:

  • Vômitos e náusea
  • Agitação de ordem psicomotora
  • Alucinações
  • Distúrbios de comportamento
  • Midríase (dilatação das pupilas)
  • Secura das mucosas
  • Problemas digestivos e gástricos
  • Desidratação

Noz da índia faz mal?

Como já foi dito anteriormente, a noz da índia teve sua venda proibida no Brasil pela ANVISA, assim como já havia ocorrido em outros países. No entanto, muitas pessoas ainda encontram esse produto para a venda na internet.

No entanto, segundo esse órgão de saúde, a noz da índia tem um potencial tóxico muito alto quando ingerida por via oral, podendo levar a casos fatais.

Isso porque além de causar diarreia e o aumento da frequência urinária ela pode levar a um grave quadro de intoxicação, visto que possui dois componentes tóxicos.

Os asiáticos, por sua vez, costumam usar as sementes cozidas, bem como outras partes da planta e sempre em pequenas quantidades.  Além disso, para a pele e cabelos eles ainda utilizam a noz da índia de forma tópica, ou seja, em forma óleos diretamente sobre a pele e cabelos.

Vale lembrar ainda que a noz da índia acabou sendo proibida no país por causa do seu uso indiscriminado para fins de emagrecimento, causando problemas de saúde sérios e até a morte.

Pronto, agora você já sabe um pouco mais sobre a noz da índia, para que serve, seus benefícios e como ela pode ser perigosa para a saúde. Aproveite essas dicas e cuide-se!

Leave a Reply

2 × 3 =